New York Times aposta em personalização do conteúdo baseado em algoritimos

O jornal The New York Times incorporou algoritimos em sua ferramenta de recomendações de conteúdo aos leitores. Desse forma, o jornal inaugura uma nova modalidade de “curadoria”, baseada em recomendações dos editores, de uma rede social (Facebook, por exemplo) e um série de associações entre palavras-chaves, categorias, editorias mais usadas pelos leitores (devidamente logados no site).

Marc Frons, diretor de tecnologia do NYT, explica que o “desafio é equilibrar as recomendações dos editores com as recomendações das pessoas, considerando os algoritimos, que seleciona o que você gosta e o que você não gosta”.

Anúncios

Potencialize o diálogo. Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s