Projeto colaborativo e hiperlocal cobre eleições na Austrália

Basta se aproximar o período eleitoral para que a atenção se volte para a Internet. Na Austrália não é diferente, pois um projeto que combina Twitter e Google Maps está em curso para realizar a cobertura colaborativa das eleições australianas.

O Upstart Ozelection, criado pelo pesquisador e professor de jornalismo, Chris Scanlon, potencializa o hiperlocalismo e a escrita coletiva. O mapa é utilizando como “interface” das notícias, em uma base de dados públicas sobre os acontecimentos eleitorais.

Scanlon destaca que os “tweets” foram importantes na eleições iraniana, por exemplo, tanto pela dinâmica da distribuição de notícias como a influência no debate público.

Para participar basta “tagear” as informações e imagens sobre as eleições com a hashtag #ozelection mais o código postal. Além do Twitter, fotos publicadasno Twitpic também serã indexadas aos mapas.

Anúncios

Potencialize o diálogo. Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s