Mídias colaborativas contam outra história sobre a crise política em Honduras

Manifestantes enfrentam o poder policial em Honduras*

O poder das mídias colaborativas torna-se mais evidente em momentos de “anormalidades” na política de um país/estado/cidade. Assim como no Irã, e agora com o clima tenso em Honduras, revela que a esfera de visibilidade pública mudou radicalmente após a liberação do pólo emissor.

Uma prova deste fenômeno é o projeto colaborativo HablaHonduras, que tem por objetivo dar voz aos cidadãos insatisfeitos com a crise política instaurada no país. A colaboração pode ser realizada por celular ou e-mail. Vale ressaltar, que diferente de outros projetos de jornalismo colaborativo, onde destacar a identidade do cidadão-repórter é importante, pois potencializa a ramificação do jornal em questão, no HablaHonduras a identidade dos cidadãos-repórteres é preservada por uma questão de segurança.

Muito além de um espaço destinado à produção colaborativa de conteúdo, o HablaHonduras adicionou as informações e opiniões que circulam em blogs, rádios e até o twitter em sua página, constituindo desta forma um espaço para o debate público sobre a situação política do país.

*crédito da foto: AP Photo/Esteban Felix

Anúncios

Potencialize o diálogo. Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s