Monitoramento e vigilância na China

Matéria do The NYT News Service sobre a China reacende a polêmica sobre ferramentas digitais de monitoramento e vigilância.

A novidade agora é a instalação de 20 mil câmeras de vigilância policiais estão sendo instaladas nas ruas para reconhecer automaticamente os rostos de suspeitos da polícia e detectar atividade incomum. Mas isso não é tudo, os cidadãos também receberão uma espécie de cartão residência, aonde serão armazenados diversos dados pessoais, desde o endereço ao histórico reprodutivo do indivíduo.

Marcuse já alertava na década de 70 que a cultura do medo e o medo de um ataque externo a qualquer instante, não passava de estratégia para a fiscalização e controle das forças centrífugas da sociedade. Na China, país que mais investe em tecnologia para garantir a “segurança” (de quem?, deve ser a pergunta) ao que tudo indica será utilizada para violar direitos civis.

Anúncios

Uma resposta para “Monitoramento e vigilância na China

  1. Pingback: CIA e Vaticano editaram Wikipedia « Herdeiro do Caos

Potencialize o diálogo. Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s